narrativa

Qual sua melhor história?

Desde a idade da pedra, o ser humano já entendeu que histórias despertavam interesse. Ouvir os avós contarem do passado é sempre instigante. Então não deve ser diferente da relação empresa com cliente, utilizar dessa estratégia irá moldar o seu relacionamento com seu público. 

 

Uma boa narrativa consegue quebrar certos paradigmas. Uma boa história, contada de maneira simples, mas objetiva, buscando uma interação com o público, pode fazer muito sucesso. Com repercussão, isso gera melhores resultados em seu negócio, que é transformado em vendas.

Um storytelling bem feito pode fazer o tráfego do seu site e rede social crescerem, dando mais crédito àquilo que você publica.

 

Acreditamos que vender histórias, com autoridade de fontes confiáveis, é imprescindível para marcas que desejam ganhar a confiança de seu público, que querem atrelar valor ao seu produto e serviço.

 

Contar histórias no marketing

 

O termo no marketing que é utilizado para esse tipo de propósito é o storytelling, que é a arte de contar histórias. Fazer o desenvolvimento e adaptação de narrativas utilizando elementos específicos — personagem, ambiente, conflito e uma mensagem. 

 

O significado da palavra pode ser dividido em dois pontos: 

 

  • “Story” significa história
  •  “telling” contar

 

O termo entra num ponto de que da mesma forma que é envolvente ler sobre uma história no jornal e ouvir sobre um assunto na mesa do bar, é interessante também ter boas narrativas no marketing de conteúdo.

Para isso há algumas estratégias, a narrativa precisa ser relevante ao ponto de reter a atenção do cliente, usuário que recebe, que seja de preferência marcante e que fique na memória. 

 

Algo bem articulado, com uma boa estrutura — um bom começo, desenvolvimento e final específicos, são importantes pontos para um storytelling de qualidade. 

 

Para isso, é necessário se apoiar num tripé, que haja uma conectividade entre eles. 

 

  • Técnicas Narrativas: antes de narrar a história, é preciso definir o conceito da narrativa, qual linha irá ser (terceira pessoa, flashback, biografia, etc);
  • Conteúdo Narrativo: o desenvolvimento, “recheio” da história, isto é, o conteúdo que a torna viva;
  • Fluidez: a propriedade de toda boa história é ser contínua, com um discurso coeso e coerente ligando todos os seus pontos em sequência.

É preciso ir além de uma boa redação, que é essencial no marketing de conteúdo, é preciso sensibilizar, trabalhar a humanização com seu público.

Talvez você queira ler também

Branding
& Digital

Parceiro Oficial Programa Google Partners
Fale conosco

Contato

contato@lepera.com.br
+55 11 3045 6009

Siga-nos

© 1989 – 2022 – LE PERA COMUNICAÇÃO LTDA – CNPJ: 05.154.130/0001-00
e-book

Sua marca não vende?

Este e-book vai te ajudar

Baixe agora e encontre soluções.

CONTE-NOS SUA DOR